Google Tagmanager: Instalação e importância






CONTRATE UM PROGRAMADOR

Desenvolvimento de Soluções Web, Software Sob Medida, Aplicações Mobile Android e IOS. Mais de 15 anos de experiência em Desenvolvimento Web, qualidade imbatível, preço justo, melhor prazo de entrega.

confira as matérias do nosso BLOG

Google Tagmanager: Instalação e importância

O Google Tagmanager (GTM) é uma ferramenta poderosa e nossa aliada, sobretudo quando usada em conjunto com um time de Performance (Google Ads, mídias sociais, afiliados, etc).

Através dela, podemos centralizar o tracking dos eventos e abastecer os vários parceiros e ferramentas auxiliares, sendo o Google Analytics o mais comum neste caso.

Apesar do seu poder, nem sempre o GTM recebe a atenção que merece, podendo inclusive proporcionar um impacto negativo ao seu negócio.

Vamos falar especificamente dos cuidados relativos ao SEO, como o GTM pode influenciar negativamente nesse quesito e quais os cuidados a serem tomados durante a instalação para que tudo corra bem.

cta
Conteúdo ocultar
1 O Google TagManager e a performance
2 Boas práticas de instalação do Google TagManager
2.1 Fique de olho no PageSpeed
2.2 Cuidado onde e como você instala o GTM
2.3 Verifique o impacto da instalação com o GTM ainda vazio
3 Portanto, fique de olho
O Google TagManager e a performance
fundo roxo com logo do google tagmanager e da geehunter

A palavra-chave de fato é performance, mas de funcionamento.

Ao analisarmos as métricas, principalmente do Pagespeed Insights (PSI), é possível notar os vários pontos de melhoria para alcançar o tão sonhado 100/100 (coisa que é bem difícil de manter mas não é impossível).

Naturalmente uma das dúvidas que podem surgir é:

“O GTM tem impacto negativo na performance do meu site?”

você, agora
Não existe uma resposta simples, mas alguns artigos tratam bem do assunto e vale a pena analisar mais a fundo caso a caso.

Nas minhas pesquisas e batalhas contra o PSI consegui focar em um dos pontos que “deixava mais de lado”: a instalação do Tagmanager.

Apesar da documentação do GTM ser bem clara e direta ao ponto, nem todo mundo utiliza mais HTML puro, com o nascimento do React e Vuejs, por exemplo, as coisas ficaram um pouco diferentes.

Tratarei da instalação utilizando esses frameworks em um segundo momento e com dicas para quem usa Nuxt + VueJs também ????.

Mas vamos às boas práticas, pois essas devem permanecer sempre, independente da tecnologia escolhida!

cta
Boas práticas de instalação do Google TagManager
fundo roxo com logo do google tagmanager e da geehunter
Vou aqui falar algumas dicas que acho importante de serem repassadas acerca da instalação do GTM.

Fique de olho no PageSpeed
O PageSpeed pode indicar que o GTM está sendo inserido como “Render-blocking JavaScript“

Durante o processo de criação do DOM, quando o navegador encontra um script ou precisa fazer o download de um arquivo JS externo, ele para o que está fazendo para interpretar o script, e em seguida, continuar a renderização.

Isso vai afetar diretamente o tempo de carregamento da página. Confira a documentação do Google sobre o assunto.

Cuidado onde e como você instala o GTM
Uma das principais características que você precisa manter do Tagmanager é a ordem de disparo dos eventos.

“Por que, Igor?”, você deve estar se perguntando.

A ordem dos eventos interfere diretamente no funcionamento das tags.

Se Dom Ready vier antes do Pageview ,por exemplo, estamos dizendo que os elementos da página apareceram antes do usuário ver o primeiro carregamento (entrar na página de fato).

Outra dica é que: Usar plugins para resolver o problema pode funcionar, mas lembre-se de verificar a ordem dos eventos disparados.


Verifique o impacto da instalação com o GTM ainda vazio
Você pode utilizar o Chrome para avaliar se o GTM está causando impacto negativo na performance do site através do “Audits”.

Ele simula o PSI e traz algumas métricas e cenários que podem ser simulados, mas não se empolgue, o resultado final do PSI deve ser avaliado no site em produção, que geralmente sofre alterações conforme a experiência dos usuários nos últimos 30 dias.

Portanto, fique de olho
fundo roxo com logo do google tagmanager e da geehunter
O impacto no SEO estará diretamente ligado ao bom funcionamento do GTM, da instalação cautelosa das tags e da constante manutenção dos scripts inseridos no site, principalmente quando são de terceiros.

Procure controlar com frequência a performance do site, sobretudo quando a sua pontuação do PageSpeed Insights no Mobile estiver ruim.

Tenha em mente que o Mobile-first index pode fazer cair a autoridade e relevância do seu site.

Espero que com essas dicas você consiga atingir melhores resultados.